Miriam Leitão se diz "indignada" com corrupção de Bolsonaro e militares

Portal Plantão Brasil
9/7/2024 12:05

Miriam Leitão se diz "indignada" com corrupção de Bolsonaro e militares

0 0 0 0

334 visitas - Fonte: Plantão Brasil

Em artigo publicado no jornal O Globo nesta terça-feira (9), a jornalista Miriam Leitão se diz indignada com a corrupção envolvendo o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) e militares, agora indiciados pela Polícia Federal (PF) no escândalo das joias recebidas da ditadura saudita durante sua gestão. Confira alguns trechos:

"Isso já seria grave se fosse executado por qualquer outro servidor público. Mas a escala de gravidade, a dimensão do absurdo, ficam muito maiores por ter sido feito com a ciência e coordenação do então presidente da República. Estar no primeiro posto mais importante do país não tem apenas bônus. Um crime cometido por um presidente da República é muito mais grave. Os documentos que foram tornados públicos ontem mostram todos os detalhes da investigação que levou ao indiciamento de Jair Bolsonaro no caso das joias desviadas."

Leitão também aborda a expectativa do resultado do segundo inquérito, relacionado às vacinas, onde se investiga o possível envolvimento de Bolsonaro em fraude de documento público, através de um esquema obscuro no Rio de Janeiro. "Tudo isso para escapar da sua obrigação de, como chefe de Estado, ter estimulado as pessoas a se protegerem de uma pandemia mortal que levou a vida de mais de 700 mil brasileiros. Não é apenas uma pessoa com um comportamento delinquente querendo fingir que foi vacinado para ter trânsito livre em outro país. É muito mais grave. É o ponto final de um atentado à saúde pública que ele, como presidente, jamais poderia ter negligenciado."

Miriam Leitão ainda menciona o inquérito da tentativa de golpe de Estado de 8 de janeiro, pelo qual Bolsonaro conspirou durante anos, cooptando militares, assediando instituições públicas, ameaçando o país e pregando contra a democracia. "Esse é o maior dos crimes. Mas em cada etapa das investigações o que precisa ficar claro é que, sendo ele, na época, o chefe de Estado, a gravidade do delito aumenta."

Apesar de tudo, Bolsonaro continua a fazer campanha e indica que planeja sair da situação de inelegibilidade, receber uma anistia e voltar a disputar eleições. "Durante o fim de semana foi com essa convicção da impunidade que ele desfilou em palanques ao lado do presidente da Argentina. Mas o que o espera é, na verdade, uma série de processos pelos crimes cometidos durante seu mandato."

Com informações do DCM

Plantão Brasil foi criado e idealizado por THIAGO DOS REIS. Apoie-nos (e contacte-nos) via PIX: apoie@plantaobrasil.net



APOIE O PLANTÃO BRASIL - Clique aqui!

Se você quer ajudar na luta contra Bolsonaro e a direita fascista, inscreva-se no canal do Plantão Brasil no YouTube.



O Plantão Brasil é um site independente. Se você quer ajudar na luta contra o golpismo e por um Brasil melhor, compartilhe com seus amigos e em grupos de Facebook e WhatsApp. Quanto mais gente tiver acesso às informações, menos poder terá a manipulação da mídia golpista.


Últimas notícias

Notícias do Flamengo Notícias do Corinthians