Apresentador Gilberto Barros é condenado por homofobia

Portal Plantão Brasil
1/6/2023 20:24

Apresentador Gilberto Barros é condenado por homofobia

0 0 0 0

2959 visitas - Fonte: Brasil247

O Judiciário também aplicou multa ao apresentador

A Justiça do estado de São Paulo manteve a condenação do apresentador Gilberto Barros, 64 anos, a dois anos de prisão, por homofobia, em regime aberto, quando a execução da pena acontece na casa do réu ou em outro local determinado pelo juiz. O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) também condenou o apresentador a 10 dias multa (no valor de 1/5 do salário mínimo) e prestação de serviços a uma comunidade.

No programa "Amigos do Leão" em 2020, Barros afirmou que "vomita" ao ver "beijo de língua de dois bigode" e afirmou que agrediria caso presenciasse em sua frente. "A hora que eu acordava para trabalhar na Globo, quando cheguei a São Paulo, em 1984. Tinha que acordar às 2h30 e presenciar, no lugar onde guardava o carro, beijo de língua de dois bigodes. Tinha boate gay na frente. Nada contra, mas também vomito, sou gente. Chegando do interior... Hoje em dia, se quiser fazer [na minha frente], faz, mas apanha os dois", afirmou.

Segundo a coluna Splash, a defesa de Gilberto Barros afirmou na Justiça que o apresentador não teve a intenção de atacar publicamente a comunidade LGBTQIA+. Eles alegaram que o jornalista tentou "defender as minorias".



Plantão Brasil foi criado e idealizado por THIAGO DOS REIS. Apoie-nos (e contacte-nos) via PIX: apoie@plantaobrasil.net



APOIE O PLANTÃO BRASIL - Clique aqui!

Se você quer ajudar na luta contra Bolsonaro e a direita fascista, inscreva-se no canal do Plantão Brasil no YouTube.



O Plantão Brasil é um site independente. Se você quer ajudar na luta contra o golpismo e por um Brasil melhor, compartilhe com seus amigos e em grupos de Facebook e WhatsApp. Quanto mais gente tiver acesso às informações, menos poder terá a manipulação da mídia golpista.


Últimas notícias

Notícias do Flamengo Notícias do Corinthians