logo

22/10/2020 17:34

Butantan diz que Anvisa retarda importação de matéria-prima e impede fabricação de vacina

0 0 0 0

3189 visitas - Fonte: Folha de São Paulo

O diretor-geral do Instituto Butantan, Dimas Covas, afirma que a Anvisa está retardando a autorização para a importação da matéria-prima da farmacêutica Sinovac que possibilitará a fabricação da vacina chinesa no Brasil.



O plano original do instituto é receber em outubro 6 milhões de doses do imunizante Coronavac já prontos. E fabricar no Brasil, até dezembro, as outras 40 milhões de doses a partir da matéria-prima que chegaria da China.

Com isso, a vacina poderia começar a ser aplicada em milhares de pessoas tão logo a sua eficácia em testes clínicos fosse comprovada, o que pode acontecer antes do fim do ano.

Dimas Covas afirma que enviou um pedido formal de liberação excepcional da importação do produto no dia 23 de setembro. E diz que, nesta quinta (22), recebeu a informação de que o assunto só será tratado em uma reunião marcada para o dia 11 de novembro.



"Estou inconformado e ansioso", afirma ele. "Uma liberação que ocorre em dois meses deixa de ser excepcional", segue.

"A fábrica do Butantan já está pronta para produzir a vacina", diz . "Estamos esperando apenas a autorização para importar a matéria-prima e começar o processo."

Ele explica que, entre a chegada da matéria-prima, a fabricação, os testes de qualidade e a liberação da vacina são necessários cerca de 45 dias.



Caso a liberação só saia em novembro, a produção das primeiras doses do imunizante só será finalizada em janeiro.

Ou seja, mesmo que testes mostrem que ela é segura e eficaz, não haverá quantidade disponível de vacina para uma imunização em larga escala da população.

Na quarta (21), o presidente Jair Bolsonaro partiu para o ataque à vacina chinesa e cancelou um protocolo de intenções firmado entre o Ministério da Saúde e o Instituto Butantan para a aquisição da Coronavac e posterior distribuição dela pelo SUS.



Bolsonaro definiu o imunizante como "vacina chinesa do [João] Doria" e ainda colocou o produto sob suspeição ao dizer que ele vem da China e que "esse vírus teria nascido lá".

Questionada, a Anvisa ainda não se manifestou.

Clique aqui para entrar no grupo de WhatsApp e receber imagens, vídeos e notícias contra Bolsonaro e o fascismo.



APOIE O PLANTÃO BRASIL - Clique aqui!

VÍDEO: CARLUXO PODE SER PRESO E JAIR ESTÁ DESESPERADO!!!



Se você quer ajudar na luta contra Bolsonaro e a direita fascista, inscreva-se no canal do Plantão Brasil no YouTube.



O Plantão Brasil é um site independente. Se você quer ajudar na luta contra o golpismo e por um Brasil melhor, compartilhe com seus amigos e em grupos de Facebook e WhatsApp. Quanto mais gente tiver acesso às informações, menos poder terá a manipulação da mídia golpista.


Últimas notícias

Notícias do Flamengo Notícias do Corinthians