logo

21/9/2020 17:06

Justiça do Rio de Janeiro manda Twitter apagar postagem mentirosa de Bolsonaro

0 0 0 0

2571 visitas - Fonte: Congresso em Foco

A justiça do Rio de Janeiro determinou que o Twitter apague uma publicação de Jair Bolsonaro de 13 de julho de 2019. No post, o presidente utiliza um trecho sem autorização do filme "O processo", da diretora Maria Augusta Ramos. A informação foi divulgada pelo O Globo.


"Esse vídeo não vazou por acaso. Nele nunca se viu tantas pessoas do mal, inimigas da democracia e liberdade, juntas. É O JOGO DO PODER. A vitimização do PT é uma das últimas cartas do Foro de São Paulo em Caracas/Venezuela (24 a 28/julho)", diz a publicação.



A obra trata sobre o impeachment de Dilma Rousseff (PT) e o trecho divulgado por Bolsonaro é um pedaço de uma reunião da bancada do PT, em Brasília. No post, Bolsonaro diz que o trecho vazado se referia a um encontro do "Foro de São Paulo", em Caracas, na Venezuela.


A decisão também indica que o presidente se abstenha de utilizar qualquer obra de Maria Augusta Ramos, integral ou parcialmente, sem sua autorização, sob pena de multa diária por utilização indevida de R$ 10 mil. Bolsonaro também foi condenado a pagar as custas processuais e dos honorários advocatícios.

Procurado, o Twitter ainda não se manifestou sobre o tema. A empresa tem até 24 horas para retirar o post do ar.

Clique aqui para entrar no grupo de WhatsApp e receber imagens, vídeos e notícias contra Bolsonaro e o fascismo.



APOIE O PLANTÃO BRASIL - Clique aqui!

VÍDEO: CARLUXO PODE SER PRESO E JAIR ESTÁ DESESPERADO!!!



Se você quer ajudar na luta contra Bolsonaro e a direita fascista, inscreva-se no canal do Plantão Brasil no YouTube.


O Plantão Brasil é um site independente. Se você quer ajudar na luta contra o golpismo e por um Brasil melhor, compartilhe com seus amigos e em grupos de Facebook e WhatsApp. Quanto mais gente tiver acesso às informações, menos poder terá a manipulação da mídia golpista.


Últimas notícias

Notícias do Flamengo Notícias do Corinthians